< Voltar
Roteiro para o 3º Retiro Paroquial
Publicada em 07/10/2016 às 10:02:04

 


ROTEIRO PARA O 3º RETIRO PAROQUIAL DAS SMP
 DIOCESE DE BACABAL
 
 
As finalidades do 3º retiro são:
a) partilhar e avaliar a caminhada missionária do segundo retiro até o presente (boas notícias, dificuldades, falhas);
b) Aprofundar o processo de conversão pessoal, social, ecológica, pastoral, deslanchado pelas SMP;
c) Conhecer e assimilar o sentido e a programação da Semana Missionária;
d) Planejamento dos próximos meses até as grandes Semanas Missionárias em todas as paróquias. 
 
Dia   /  /2016. Sexta feira
 
19h - Acolhida alegre dos missionários com cantos missionários, inscrição rápida (se precisa), abertura do retiro com saudação do Pároco.
Haverá partilha da caminhada missionária do segundo retiro até agora. Se há alguma bela experiência missionária acontecida em algum setor missionário paroquial ou em toda a paróquia, é bom dar destaque e partilhar.
Cada paróquia preparar um mural de fotos com atividades desenvolvidas do segundo retiro até o terceiro. Acolhida solene dos murais. 
Momento de oração. No telão as palavras de Jesus, conforme estão em João 15,8 (usar a técnica que mostra as palavras sendo escritas na hora, caindo em forma de cascata).
 
Em seguida: sentido deste 3º retiro e como participar.
 
Sábado,   /  / 2016
 
MANHÃ:
 
07h30 - inicio dos trabalhos do dia.
 
8h Oração: Oficio Divino das Comunidades pag. 491-493. Bem caprichado. Presidido por três missionários (as) leigos. Esquema: motivação – mantra – silêncio - a equipe vai entrando no local do encontro, o/a solista vai puxando o canto de abertura e a assembleia repete. Com solenidade, sem correr - Terminado o canto o/a presidente da celebração faz a saudação litúrgica, dando em seguida boas vindas a todos. É bom fazer uma breve (máximo três minutos) recordação da caminhada das SMP na diocese - Depois motiva com poucas palavras o início do retiro - Todos sentados - O cantor/a cantará um salmo (escolher um dos que estão indicados), com um refrão que toda a assembleia deverá cantar - Todos de pé – uma pessoa, com túnica, entra trazendo uma Bíblia, com mãos levantadas, enquanto em silencio se ouve o canto: A Bíblia ela vem chegando (CD cantos missionários, volume 1, faixa 4; ou volume 3, faixa 4) – o leitor/a recebe a Bíblia e proclama a leitura de  Lucas 9,23-27- momentos de silêncio – breve comentário ligando ao retiro e a abertura do ano santo da misericórdia, feito por alguém (dois minutos) - Orações espontâneas feitas pelo leitor/a – Presidente: Pai Nosso, oração, benção final.
Preparar os seguintes cartazes (usar também Datashow)

a)     RETIRO ESPIRITUAL DIOCESANO DE MISSIONÁRIOS.

b)    EVANGELHO SEGUNDO LUCAS

c)     CONVERSÃO: o que isso?

d)    POR QUE CONVERSÃO?

e)     CONVERSÃO DE QUE? PARA ONDE?

f)       QUEM PRECISA DE CONVERSÃO?

g)     HÁ CONVERSÃO E CONVERSÃO...

h)    CONVERSÃO À JESUS DE NAZARÉ

Aqui entra o estudo de textos do evangelho segundo Lucas, do ano litúrgico, na perspectiva da misericórdia e da conversão.
Todos com Bíblia, caneta, caderno. Na mão.
 
Meditar Lc 4,14-21; 5,4-11; 5,27-32; 6,27-36; 8,1-3; 9,18-27. 43-45; 18,31-34
 
Dramatização de Lc 15,1-32 (caprichar, sem exagero e sem sentimentalismos. Mostrar a ligação estreita entre Misericórdia do Pai e nossa conversão, dentro do clima do Ano Santo da misericórdia). 
 
Apresentar o evangelho segundo Lucas.
10h INTERVALO PARA O LANCHE
 
Continua com os seguintes cartazes (também Datashow):
1)   
  • 1)  MISSÃO NÃO É PARA DEIXAR AS COISAS COMO ESTÃO.
  • 2)    MISSÃO É PARA DESINSTALAR, PARA CAMINHAR.
  • 3)    MISSÃO PÕE TODOS NUM PROCESSO DE CONVERSÃO PERMANENTE.
  • 4)    NÃO HÁ MISSÃO SEM CONVERSÃO.
  • 5)    NÃO HÁ CONVERSÃO SEM TRANSFORMAÇÃO.
  • 6)    NÃO HÁ TRANSFORMAÇÃO SEM LIBERTAÇÃO EM TODOS OS NÍVEIS E DE TODOS OS MALES.
 
Coreografia para interiorizar (preparar bem). Continuar com os cartazes seguintes:
  • 7)    CONVERSÃO PESSOAL
  • 8)    CONVERSÃO ECLESIAL
  • 9)    CONVERSÃO SOCIAL
  • 10)   CONVERSÃO ECOLÓGICA
  • 11)    CONVERSÃO PASTORAL
  • 12)    CONVERSÃO MISSIONÁRIA
Talvez seja melhor que os cartazes sejam sustentados por um cabo de madeira ou plástico, a fim de mostrar melhor a todos.
Colocar as seguintes frases da conferencia de Aparecida, letras grandes, na data show:
 
  • “A decisão missionária deve impregnar todas as estruturas eclesiais e todos os planos pastorais de dioceses, paróquias, comunidades religiosas, movimentos e de qualquer instituição da Igreja...”
  • “... Nenhuma comunidade deve isentar-se de entrar decididamente, com todas as forças, nos processos constantes de renovação missionária e de abandonar as ultrapassadas estruturas que já não favoreçam a transmissão da fé” (DA 365).
  • “A conversão pastoral de nossas comunidades exige que se vá além de uma pastoral de mera conservação para uma pastoral decididamente missionária” (Aparecida 370).
  • “O presbítero, à imagem do Bom Pastor, é chamado a ser homem de misericórdia e compaixão, próximo ao seu povo e servidor de todos, particularmente dos que sofrem grandes necessidades” (DA 198).
 
12h ALMOÇO
 
SÁBADO À TARDE
 
14h -Pessoalmente: Neste tempo de SMP estou sentindo alguma mudança em minha vida? De que tipo? Lembrar alguns fatos concretos. Agradecer.
 
Cochicho: a) Estamos vendo sinais de conversão em nossa comunidade, na paróquia e na sociedade onde vivemos? Quais os sinais concretos disso? b) Que passos dar para avançar mais no processo de conversão?
 Convidar uma equipe de crianças e adolescentes missionários para contar boas notícias, dificuldades e falhas (podem vir de uma ou duas paróquias, onde há trabalho de crianças missionárias).
 
16h00 Intervalo
 
16h - APRESENTAÇÃO DA GRANDE SEMANA MISSIONÁRIA
Retomando o fio da meada... Acolhida dos três cartazes: a) Primeira etapa: ACORDAR; b) segunda etapa: SABOREAR; c) Terceira etapa: A MISSÃO CONTINUA.
 
Cartaz: GRANDE SEMANA MISSIONÁRIA
 
Cartaz: SENTIDO E VALOR DA SEMANA MISSIONÁRIA.  
 
Preparar cartazes (tiras grandes de papel), escritas à mão, não impressas, com letras gordas, legíveis por todos. Acolhida dos cartazes.
 
Conversar sobre as frases dos cartazes.
 
Eis as frases (caprichar):
  • ·        Semana Missionária é...
  • ·        Um grande retiro espiritual popular
  • ·        Um tempo especial de...
  • ·        Misericórdia
  • ·        Conversão pessoal, social, ecológica, eclesial.
  • ·        Perdão e reconciliação
  • ·        Bonita vivência eclesial
  • ·        Anúncio do Evangelho e denúncia de todo tipo de mal;
  • ·        Muitas visitas e convivências fraternas;
  • ·        Renovado ardor missionário;
  • ·        Anúncio e testemunho da paz e da justiça para todos;
  • ·        Solidariedade e partilha;
  • ·        Mutirão contra todo tipo de violência;
  • ·        Valorização de tudo o que há de bom nas pessoas.
 
Utilizaremos bastante o livro das SMP. 
 
19h - Vigília de oração com entrega das cruzinhas missionárias
 
Iniciar com um mantra meditativo. Clima de silêncio meditativo. Canto solene do bendito da abertura pág. 453 do Ofício Divino das Comunidades, por um solista vindo da entrada para o meio da assembleia (do Ofício somente isso e a recordação do dia). Fazer os gestos que o canto de abertura sugere. Somente algumas velas serão acesas. Tudo em profunda atitude contemplativa.
 
Dramatização de Lucas 9,18-27; 14,25-27.
 
Após uma breve meditação, coreografia para interiorizar (preparar bem, bem ligada ao assunto; não pode ser qualquer tipo de dança. Caprichar...). Momento penitencial. Entrega da cruzinha missionária com as palavras: “Recebe esta cruz missionária. Seja um (uma) missionário/ a firme e fiel ao evangelho de Jesus”.
Dois testemunhos (breves e tocantes).
 
Dia   /   / 2016. Domingo
 
7h - Acolhida alegre dos missionários.
 
7h30 – Ofício Divino
 
Continuando o retiro-encontro:
 
Retomar os cartazes do primeiro retiro, com os títulos de cada dia da semana missionária (cada cartaz um título). Exemplo:
a) DOMINGO DE ENVIO; b) Segunda feira: DIA DA TERNURA E DA COMPAIXÃO... (Os títulos de cada dia da semana missionária estão no livro SMP, nova edição página 148ss). 
Estudo dos blocos 5 e 6 pag. 119-123 e do capítulo VI do livro SMP (muito importante).
 
Aprofundando a espiritualidade dos missionários.
Vários lembretes
 
Missa às 10h30.
 
12h   Almoço/ Encerramento.
 
 
 
LEMBRETES:
1.     Providenciar em tempo as cruzinhas, possivelmente feitas artesanalmente por algum grupo especial de pessoas (exemplo: presos ou pessoas portadoras de alguma deficiência física).  Seria bom escrever, se possível, em cada cruzinha, as três letras queimadas: SMP. A cruzinha missionária é para missionários comprometidos de verdade. Evitar entregas superficiais. 
2.     Os cartazes sejam preparados manualmente, com letras grandes (não por computador). Podem-se colocar as frases também no data show.
3.     Para projetar as frases com data show, providenciar um projetor com luminosidade intensa, para as palavras serem legíveis também em pleno dia. Mas o projetor não vai substituir as frases escritas em cartazes.
4.     Caprichar na organização: equipe de acolhida, de alimentação. Equipe de som com a presença constante de um técnico, equipe da infraestrutura do local do encontro, equipe de tocadores e cantores bem seguros e preparados, animando pra valer (privilegiar os cantos missionários dos CDs missionários e outros feitos por missionários daí). Lançamento do 4º CD de cantos missionários.
5.     Escolher uma equipe (três pessoas) para coordenar o encontro junto comigo, pe. João Paulo e pe. Figueira.
6.     Quem sabe ler e escrever, levar caderno e caneta. Iremos utilizar bastante o livro das SMP, o comentário ao Evangelho segundo Lucas, o livro: A VIDA É MISSÃO. Motivar para dedicar mais tempo à leitura pessoal dos livros.
7.     Pedir aos missionários de cada paróquia de levar bandeiras, cantos missionários novos, murais de fotos missionárias, faixas para pendurar no local do encontro.
8.     Caprichar nas dramatizações e coreografias: que sejam bem feitas, dentro do espírito do retiro. As coreografias não devem aparecer como peça de teatro e sim como momentos bonitos de interiorização.
9.     Fazer o possível para que as pessoas envolvidas nas dramatizações, coreografias e outras atividades participem de todo o encontro, para captar bem o espírito das SMP.
10.                       A coordenação, ao entregar as várias tarefas, cuide para que elas sejam bem entendidas, assumidas e bem preparadas; verificar, de vez em quando. Tem muita gente capaz; é só orientar. Não é suficiente entregar tarefas e depois largar; é preciso que alguém competente acompanhe.
11.                       Vocês estão entrando nos preparativos das grandes Semanas Missionárias. O trabalho vai crescer. Caprichem na divisão de tarefas.
12.                       Já fizeram o concurso de cantos missionários daí? Incentivar, escolher os melhores. Que tal pensar e preparar, antes da grande Semana Missionária, um livro definitivo de cantos missionários com as letras dos quatro CDs missionários, incluindo também os melhores cantos daí, que o povo mais gostou? Não se esqueçam de colocar no livro de cantos os objetivos das SMP, a oração das SMP e a logomarca.
13.                       As equipes de serviço, sobretudo as da acolhida e do acompanhamento do encontro, estejam bem ativas e atentas ao longo de todo o retiro, para evitar o perigo da dispersão, do vaivém.
14.                       Motivar a aquisição do kit dos livros das SMP aos que ainda não os têm.  Isso é muito importante.
 
Eis aí as sugestões para o terceiro retiro. Preparem e motivem para que muitas pessoas possam participar, de verdade! O certo é que os participantes do terceiro retiro deveriam ter participado ao menos de um dos dois retiros anteriores, para garantir a continuidade. Novos missionários devem ser preparados com breves encontros antes do terceiro retiro. Verificar se em todas as capelas já estão expostos os cartazes ou painéis dos objetivos e da oração das SMP. As atividades dos primeiros quatro blocos deverão acontecer antes do terceiro retiro, em todos os setores missionários paroquiais.   

 

Compartilhe Compartilhe:
Imprimir: Roteiro para o 3º Retiro Paroquial Voltar Ir para o Topo RSS
DIOCESE DE BACABAL
Rua Teixeira Mendes Nº 45
(99) 3621-1280
Bacabal - MA
Mariano Leite - Web Designer e Programador PHP e MySql Lourival Albuquerque Silva
BUSCA NO SITE
REDES SOCIAIS
Redes Sociais Diocese de Bacabal no Facebook Diocese de Bacabal no Twitter Diocese de Bacabal no Google Plus Diocese de Bacabal no Youtube